Rhynos quebra a onda do Tsunami no Brasileirão

0
61
O Rhynos não teve dificuldades diante do Tsunami no Brasileirão D1 Foto: Yan Barros

Santos Tsunami e Guarulhos Rhynos se enfrentaram no Centro de Treinamento Touchdown no domingo (28). A partida era a segunda das equipes no Brasileirão D1 da CBFA. O time guarulhense emplacou sua segunda vitória, com o placar de 35 a 06.

> Confira aqui o calendário de eventos de futebol americano

O jogo

Logo no início da partida, a equipe de Guarulhos conseguiu seus sete primeiros pontos com passe do quarterback Catullo Góes para o wide-receiver Henrique “Bigode”. João Paulo Lustosa, um dos kickers mais eficientes do Brasil, confirmou o ponto-extra.

Após o touchdown, o Tsunami teve sua chance de empatar a partida. Porém, não obteve sucesso e logo o ataque do Rhynos estava em campo novamente para ampliar a vantagem com o trio Catullo, Henrique e JP: 14 a 00.

A equipe da Baixada Santista teve uma boa campanha, com grande avanço, mas no final não conseguiu pontuar e teve que devolver a bola para o Rhynos. Com o ataque novamente em campo, a equipe de Guarulhos conseguiu um field goal com o kicker JP, aumentando a vantagem para 17 a 00.

Recuperando a bola com o linebacker Vinicius Rocha, após um fumble do Tsunami, o Rhynos trouxe seu ataque para campo novamente e conseguiu mais um field goal: 20 a 00.

Pouco antes do final do primeiro tempo o Tsunami conseguiu marcar um touchdown de passe do quarterback haitiano Keegan para o wide-receiver William Tru. O time do litoral tentou uma conversão de dois pontos, mas não obteve sucesso. A partida foi para o intervalo com o Rhynos liderando por 20 a 06.

No início do segundo tempo, o Santos teve a primeira posse de bola, mas não conseguiu pontuar, dando a chance para o Rhynos ampliar a diferença no placar: com corrida do running back Edimarcos “Kinho” e ponto-extra convertido, o Rhynos conseguiu mais sete pontos, deixando a partida em 27 a 06.

Já no último quarto, o Santos cometeu um bad snap e a bola acabou caindo na endzone, com a recuperação pelo defensive back Vinicius “Clone”. Mais seis pontos para o Rhynos – 33 a 06.

Pouco antes do final do jogo, o Rhynos ainda conseguiu um safety com o linha Felipe “Chucrute” Lichtenecker (99), concretizando o placar final em 35 a 06.

O que vem por aí?

As equipes voltam a campo no segundo final de semana de Setembro. O Rhynos enfrentará o Coritiba Crocodiles, e o Tsunami terá como próximo adversário o Brown Spiders.

Com assessoria CBFA

> Saiba mais sobre o Campeonato Brasileiro D1 da CBFA 

COMPARTILHAR
Artigo anteriorPetroleiros vence clássico Potiguar e avança aos playoffs
Próximo artigoDragons derrota Leões e vence a primeira no Brasileirão
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here