Timbó Rex se impõe e derrota Istepôs fora de casa

0
185
T-Rex alcança a 14ª vitória em 19 confrontos contra o Istepôs. Fotografia: Reprodução Instagram Timbó Rex

O Timbó Rex manteve a invencibilidade na BFA 2022 ao vencer o Istepôs FA neste domingo (17) por 40 a 10 fora de casa. Com esse resultado, somente o atual vice-campeão da liga e o Santa Maria Soldiers (com sua segunda partida ainda a realizar) permanecem sem derrotas na Conferência Sul, enquanto a briga pelas demais vagas aos playoffs segue acirrada, com 6 das outras 9 equipes de campanha 1-1 (Istepôs, Pumpkins, União da Serra, Gladiators, Bulls e Almirantes).

O jogo

A partida iniciou com bom retorno de kickoff dos especialistas do Timbó Rex, deixando a unidade comandada pelo quarterback Luiz Bassani iniciar sua campanha no campo de ataque. No entanto, em boas ações defensivas o time da casa forçou o three and out.

Em sua primeira posse de bola, o Istepôs contou com ótima conexão entre o quarterback Igor Clemes e o receiver Nathan Dias para o primeiro firstdown da tarde. No entanto, em fumble no backfield, o defensive line Paulo Mosselin recuperou a bola e correu até a endzone para abrir o placar. Após o chute convertido por Amilcar, 7 a 0 para o T-Rex. A marcação da arbitragem foi muito contestada pelo Istepôs, com o pedido de false start no início da ação, o que anularia a jogada.

O T-Rex retomou a posse em interceptação do defensive back Brian Rufino, mas o ataque não voltou a pontuar após não conseguir firstdown e chutar field goal para fora. Na virada para o segundo quarto, nova interceptação sofrida por Igor Clemes, desta vez pelo linebacker Luis Polastri. Com a posse já dentro da redzone adversária e o quarterback Romário Reis em campo, a equipe visitante aumentou o placar em recepção do tight end Murilo Moraes. Com o convertido, 14 a 0.

Em seguida, o Istepôs conseguiu sua primeira pontuação na partida, com nova conexão entre Igor Clemes e Nathan Dias, em bela recepção numa conversão de terceira descida, deixando os marcadores para trás em longo touchdown de 51 jardas. O chute convertido por Miller Pereira alterou o placar para 14 a 7.

No entanto, logo na segunda jogada da nova campanha, Romário Reis conectou longo passe para Fabrizio Nanni, que avançava livre para a endzone quando perdeu a posse e caiu sozinho, mas conseguiu recuperá-la para manter o ataque em campo. Em seguida, o wide receiver João Pujoni chegou ao touchdown em corrida jet sweep. Com o chute extra para fora, 20 a 7 no placar.

Após punt chutado pelo Istepôs e dentro do two minute warning, o Timbó Rex arriscou com a posse dentro da própria redzone para buscar nova pontuação antes do intervalo, mas Romário Reis foi interceptado pelo defensive back Henrique Mazzola. Em ótima posição de campo, mas com pouco tempo no relógio, a equipe da casa optou pelo chute de field goal, convertido para deixar o placar em 20 a 10.

Com a primeira posse do segundo tempo, o Istepôs buscava nova pontuação para deixar a diferença em uma posse, mas a defesa visitante forçou punt com o “auxílio” de algumas faltas do ataque adversário. Novamente com Luiz Bassani em campo, o T-Rex ampliou o placar em nova longa recepção de Fabrizio Nanni, “maltratando” novamente o buraco da Cover 2 da defesa adversária, e desta vez até a endzone sem sustos para deixar a pontuação em 27 a 10 após o chute errado.

O ataque da equipe da casa novamente não conseguiu avanço, colocando seu time de punt em campo, mas o chute bloqueado pelo defensive line Joserlãnio Santos e recuperado pelo defensive back Matheus Flausino permitiu nova pontuação do T-Rex, com o placar aumentado para 33 a 10 após novo chute errado.

No final do período, uma longa campanha do Istepôs foi penalizada por novas faltas, devolvendo a posse ao T-Rex em punt na virada para o último quarto. Após nova troca de punts entre os times, a equipe visitante selou a vitória na conexão entre os irmãos Reis, com Romário para o wide receiver Marlos para o último touchdown e 40 a 10 após o chute extra convertido.

Entrevistas Pós Jogo

O que vem por aí?

Na próxima rodada, as duas equipes jogam fora de casa, com o Timbó Rex (2-0) enfrentando o Porto Alegre Pumpkins (1-1) em 30 de Julho e o Istepôs (1-1) desafiando o Joinville Gladiators (1-1) em 07 de Agosto.

> Saiba sobre jogos e classificação da BFA em nossa página especial

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here