Leões de Judá enfrenta Rednecks pela 2ª vez no ano

1
28
O Leões de Judá já foi campeão em 2022 - da Taça Cairo Santos Foto: Divulgação

Em dia de estreia em campeonato, é raro que quaisquer das equipes tenham entrado em campo há muito tempo. Quanto mais, já terem se enfrentado em 2022. Pois este é o caso de Leões de Judá e Goiânia Rednecks. No último encontro entre as duas equipes, o time candango venceu o goiano na fase regular da Taça Cairo Santos 2022 (vencida pelo Leões). E neste sábado (30), pela estreia do Brasileirão D1 da CBFA, as equipes se enfrentam novamente, no Centro de Treinamento do Gama (DF) às 14 horas.

> Por que há dois campeonatos de âmbito nacional?

Expectativa de apoio da torcida 

O retrospecto recente aponta para um favoritismo dos donos da casa e com um fator extra apontado pelo head coach do time candango, Gustavo “Kiwi” Garcia: “Esperamos muito tempo para que a enorme torcida do Gama marcasse presença nos jogos”.

Além disso, o time ainda trouxe reforços e manteve suas estrelas: “Contamos com alguns reforços para o campeonato e a permanência dos americanos Dimitri (quarterback), Ronelle (wide-receiver), bem como dos veteranos The Bus, Gera e Dadau. Será uma partida incrível”, finalizou Kiwi.

Em reformulação, mas confiantes

O coordenador defensivo, Gabriel Simonini, do Rednecks, afirma que o time está passando por reestruturação: “Contamos com os jogadores experientes para manter o projeto. Sempre tivemos uma base sólida e a evolução dos novatos para manter um bom nível de competitividade”. Simonini também acredita que o aproveitamento em casa pode levar o time aos playoffs.

Com assessoria CBFA

> Confira grupos, tabelas e história dos times que compões o Brasileirão D1 da CBFA

Serviço: Gama Leões de Judá x Goiânia Rednecks
Local: Ninho do Periquito, Centro de Treinamento do Gama (DF)
Data e Horário: Sábado, 30 de Julho, às 14h
Ingressos: aqui ou no local

COMPARTILHAR
Artigo anteriorEspectros pega Caçadores reforçado contra tabu
Próximo artigoMariners busca evolução contra um Bulls em construção
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here