Pyros inova no marketing em decisão contra Bristlebacks

0
274
Pyros e Bristlebacks lutam, neste sábado (14), por uma vaga nos playoffs do Campeonato Paranaense Foto: May Abreu

A volta do FABR depois de duas temporadas devido à pandemia provocou a preocupação de dirigentes de times e campeonatos. Em um esporte amador, já com parcos recursos, o retorno em situações ainda mais desafiadoras fez todos pensarem duas ou três vezes na real sustentabilidade das equipes de futebol americano.

Tudo isso não foi diferente para o Maringá Pyros, uma das equipes mais tradicionais do cenário paranaense do FABR. A diretoria, no entanto, acabou ampliando ações de marketing para obter mais receitas que cobrem os altos custos de um esporte que conta com no mínimo 50 pessoas para acontecer.

“A volta da pandemia criou um estímulo para um retorno grandioso. Mas as ideias de marketing viriam de toda forma, pois são para a nossa sustentabilidade econômica. Elas vêm para inovar no relacionamento com o nosso torcedor, criando vínculos duradouros, com experiências únicas”, explica Chico Costa Aguiar, vice-tesoureiro do Pyros.

Decisão contra o Bristlebacks

As ações de marketing estarão em ação na partida decisiva contra o Londrina Bristlebacks. O jogo é válido pelo Campeonato Paranaense, a ser realizado em Maringá neste sábado (14), às 19h no Estádio Regional Willie Davids, para definir quem será o campeão da Divisão Norte. O vencedor também conquista uma vaga para os playoffs do Paraná Bowl.

Após dois jogos entre as equipes, e uma vitória para cada lado, ambas definirão o vencedor na cidade de Maringá. O Pyros venceu o primeiro jogo (realizado no Campo do Alvorada) por 30 a 27 e perdeu o segundo jogo em Londrina por 13 a 10. E agora promete um grande evento no Estádio Regional Willie Davids para esta decisão.

> Confira nossa página especial sobre o Campeonato Paranaense

Além de transmissão ao vivo, em seu canal do YouTube, a equipe trará uma narração exclusiva para os presentes no estádio e a animação da Bateria Badelírio (UEM) para agitar a torcida.

Como parte do evento, fora do jogo, o Maringá Pyros realizará uma feira de doação de animais junto a Secretaria Municipal de Bem Estar Animal, além de arrecadar alimentos não-perecíveis para doação a instituições sociais. O jogo, com entrada gratuita, também terá serviço de bar e comercialização de itens exclusivos do Pyros.

Grande novidade – Token Não-fungível (NFT)

Além das atrações mencionadas acima, o Pyros traz uma grande atração tecnológica ao evento: a produção do primeiro NFT do futebol americano paranaense.

NFT é um token não-fungível que tem sido amplamente usado por entidades esportivas e artistas internacionais a fim de potencializar suas produções e gerar um item exclusivo, colecionável e que se torna em um ativo com potencial valorização futura. Há casos de NFTs sendo comercializados por milhões de dólares.

O NFT Maringá Pyros consistirá em uma foto exclusiva da equipe, com relação de seus atletas e informações do evento. O mesmo só poderá ser adquirido através do site antecipadamente e será encaminhado aos compradores após realização do evento.

Neste processo, o Maringá Pyros também está produzindo mil copos personalizados, comercializados junto à pulseiras. Estas pulseiras não são obrigatórias para entrada, mas com elas os torcedores terão acesso a descontos especiais no bar e loja de produtos Pyros.

Os copos estão sendo comercializadas com preços especiais antecipadamente através do link. No dia do evento, os itens terão um novo preço. As pulseiras para os descontos especiais também podem ser adquiridas no dia do evento mediante a doação de 1kg de alimento não-perecível.

Com assessoria Pyros

Serviço: Maringá Pyros x Londrina Bristlebacks – Campeonato Paranaense

Quando: Sábado, 14 de maio, às 19h

Onde: Estádio Willie Davids, em Maringá

Entrada: gratuita

Transmissão: YouTube Maringá Pyros

COMPARTILHAR
Artigo anteriorPlacar FABR – 07 e 08 de Maio
Próximo artigoAgenda FABR – 14 e 15 de Maio
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here