Brasileirão da CBFA já tem logo e times explicam escolha

1
1168
Desde 2015, o Brasil não tinha duas competições nacionais de futebol americano; em 2022, teremos o Brasileirão CBFA e a Liga BFA Arte: CBFA (Instagram)

Chegou 2022 e com ele a volta de um ano em que o futebol americano no Brasil terá dois campeonatos de âmbito nacional, o que não acontecia desde 2015 (último ano do Torneio Touchdown). A Confederação Brasileira de Futebol Americano, como anunciado no fim do ano passado, formatou o seu campeonato próprio e não dará sua chancela para a Liga BFA, que terá a sua quarta edição também em 2022.

Batizado de Brasileirão, o campeonato da entidade máxima da modalidade em âmbito nacional teve inscrições suficientes para preencher as duas divisões propostas. No entanto, o formato e o total de participantes estão sendo definidos devido à logística de viagens. O anúncio oficial (participantes e divisões) deve ser feito ainda em fevereiro.

Em diferentes cenários, equipes explicam escolha pelo Brasileirão CBFA

O Salão Oval abordou três equipes de diferentes cenários e regiões para entender a escolha das mesmas pelo novo campeonato promovido pela Confederação.

Tradição: Coritiba Crocodiles

Bicampeão nacional (2013-14) e octacampeão paranaense (2009-2015 e 2018), o Coritiba Crocodiles aponta seu histórico de respeito à gestão esportiva como razão pela escolha do Brasileirão. Segue a nota enviada pelo presidente da equipe paranaense, Delmer Zoschke, e o vice, Adan Rodriguez:

“O Coritiba Crocodiles nunca deixou a CBFA e não saiu da BFA, e sim, a BFA que saiu da CBFA. Desde o início, o Croco buscou respeitar a gestão esportiva seguindo sua hierarquia (atletas, times, federações e Confederação). Participar de um campeonato que não tenha a chancela da CBFA hoje, enfraquece o esporte, abrindo um precedente “perigoso”. E isso vai contra tudo o que fizemos desde o princípio dentro da nossa equipe, como moldamos nossa história e nossa marca.

Atualmente, a CBFA esta a frente do Full Pads Masculino e Feminino, categorias de base, Flag e principalmente da nossa seleção – Brasil Onças. Sabemos que esta entidade já esteve em piores condições no passado, mas atualmente, entendemos que a CBFA, realizando a gestão conforme prometido pela Presidente Cristiane Kajiwara, fortalecerá ainda mais o futebol americano no Brasil. Vemos muita evolução na parte burocrática e no planejamento para o futuro do nosso esporte em cada uma de suas frentes mencionadas anteriormente.

Ouvimos os dois lados (CBFA e BFA), conversamos muito entre todos os diretores do Crocodiles e tomamos a nossa decisão. Espero que em breve possamos novamente ter em nosso certame apenas um único Campeonato Nacional, elevando assim o nosso FABR. Respeitamos o caminho que cada um escolhe para si e desejamos um Futebol Americano coeso e bem estruturado para o crescimento da modalidade no Brasil.”

Oportunidade: Cruzeiro FA

Como um programa que está retornando ao cenário nacional e buscando oportunidades, o Cruzeiro FA também optou pela CBFA. Em nota enviada pelo departamento de marketing, o time afirmou que “o Cruzeiro FA escolheu a CBFA por se tratar de uma liga mais organizada, com um formato que agrada mais à equipe. Entendemos que ao escolher uma liga, o primordial é a comunicação e a transparência e foi o que sentimos desde o primeiro contato com a CBFA. Vai ser um bom campeonato, um campeonato competitivo, onde os times estão tendo voz na hora de questionar e sugerir coisas diante da Confederação. Estamos ansiosos pela competição!”.

Incerteza logística: Fortaleza Tritões

Para ser um verdadeiro Brasileirão, a competição da CBFA precisa de diversidade geográfica. O Fortaleza Tritões, que celebrou recentemente sua parceria com o time de futebol mais ascendente de 2021, realizou sua inscrição na CBFA, mas depende do cenário nordestino para poder confirmar sua participação. “O Fortaleza Tritões ainda está analisando os dois campeonatos. Realizou a inscrição na CBFA mas a sua participação vai depender do número de times do Nordeste inscritos na competição”, afirmou o time por meio de sua assessoria.

BFA tem 14 confirmados

Se a CBFA ainda não anunciou os participantes do Brasileirão, a BFA já tem 14 equipes confirmadas (13 masculinas e uma feminina). São elas: Curitiba Silverhawks (atual campeã feminina), João Pessoa Espectros (atual campeão masculino), T-Rex, Tubarões do Cerrado, Manaus FA, Palmeiras Locomotives, Recife Mariners, Santa Maria Soldiers, Cuiabá Arsenal, Vingadores, Vasco Almirantes, Itajaí Almirantes, Cavalaria 2 de Julho e Galo FA (este, confirmado também na CBFA).

COMPARTILHAR
Artigo anteriorSuper Bowl na TV aberta será na RedeTV!
Próximo artigoCBFA terá sua própria Granja Comary, em Itapecerica da Serra
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here