Crocodiles deslancha no fim e mantém tabu contra Istepôs

1
337
Istepôs recebeu o Crocodiles em São José. Foto: Cacá Constantinov/ Salão Oval

Deslanchando no último quarto, o Coritiba Crocodiles viajou para Santa Catarina e conquistou a primeira vitória na Liga BFA 2019. Já os catarinenses amargaram a segunda derrota seguida em casa, após perder para os campeões gaúchos do Santa Maria Soldiers. A partida foi muito equilibrada, mas dois erros em retornos de punt do Istepôs, fizeram a diferença no jogo.

O jogo

O Istepôs entrou em campo determinado a vencer o Crocodiles pela primeira vez, mas os visitantes deixaram bem claro no começo do jogo que seria uma tarefa difícil. Na primeira campanha de ataque, os catarinenses foram interceptados. O Crocodiles não aproveitou o turnover e foi para o punt. O presente foi retribuído pelo Istepôs, que cometeu um muff recuperado pelo Crocodiles. O novo presente não foi recusado, com os visitantes abrindo o placar com um touchdown do experiente wide-receiver Kauã Pozzi. Com ponto-extra convertido por Kevin, 07 a 00 Croco.

O segundo quarto ficou marcado pelas boas atuações defensivas. O Istepôs foi novamente interceptado, mas a sua defesa conseguiu segurar o Crocodiles em situação de goal e forçou o erro do field goal na mesma jogada. Final do primeiro tempo: 07 a 00 para os visitantes.

No terceiro quarto, o ataque do Istepôs entrou no jogo, começou a produzir mais com boas corridas de JP Ramos, mas faltava efetividade para avançar o suficiente para um field goal ou touchdown. A oportunidade do empate veio após um strip sack do linebacker Hames sobre o quarterback do Crocodiles, Ramon Martire, e fumble recuperado pelo Istepôs na linha de 25 jardas do campo de ataque.

O quarterback Pezão, do Istepôs, voltou a campo para conectar um passe para o wide-receiver Marcos Almeida, que fez uma recepção praticamente caído após a bola bater nos defensores do Croco. O ponto extra foi convertido pelo kicker Carlos: 07 a 07.

Não deu nem tempo de comemorar e o Crocodiles voltou com tudo para ficar a frente do placar novamente. Em uma campanha rápida, os paranaenses chegaram ao touchdown com uma corrida de vinte e cinco jardas do running back Francelino Sanha, o Guiné – o ponto extra foi desperdiçado por Kevin, 13 a 07.

No começo do quarto período, após uma three and out, o Crocodiles chutou um punt e pela segunda vez na partida, o retornador do Istepôs cometeu um muff e a bola foi recuperada pelo Crocodiles. O running back Guiné fez mais uma boa corrida e marcou seu segundo touchdown no jogo. O ponto-extra foi convertido pelo capitão e presidente Adan Rodriguez: 20 a 07.

O Istepôs sentiu o golpe com a ampliação do placar e o balde de água fria veio com mais um touchdown dos visitantes. Adan Rodriguez recebeu um bom passe de Mamão, quebrou dois tackles e correu para endzone, ele mesmo chutou o ponto-extra e deu números finais ao placar: 27 a 07.

O que vem por aí

Na próxima rodada, os resultados podem embolar de vez a conferência sul da Liga BFA. O Santa Maria Soldiers, que venceu o Istepôs na primeira rodada e o Paraná HP neste Domingo, viaja até Curitiba para enfrentar o Crocodiles. Já o Istepôs terá a dura missão de enfrentar o Paraná HP também na capital do Paraná.

Entrevistas pós-jogo

>>> Confira a tabela da Conferência Sul da Liga BFA Elite<<<

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here