Sob pressão, Flamengo e Botafogo jogam clássico pela BFA

1
193
Flamengo Imperadores x Botafogo Reptiles em 2017 Foto: Chiarini Jr

Um jogo decisivo para ambas equipes. É assim que Flamengo Imperadores e Botafogo Reptiles encaram a quinta edição do clássico entre ambos os times no futebol americano. A partida será realizada na manhã deste sábado, 8, no Estádio do Olaria.

Sob pressão

O histórico de confrontos entre as equipes aponta para três vitórias rubro-negras e uma alvinegra, justamente no ano passado. Mas o que importa é o presente, onde as equipes não vão muito bem no Grupo Leste da Conferência Sudeste da BFA. Ambas têm apenas uma vitória e duas derrotas e mais um revés pode complicar bastante as chances de playoffs.

“A pressão é grande, pois o Flamengo Imperadores é um time acostumado a vencer. Logo, tivemos que ser resilientes no atual cenário para corrigir o que erramos nessas duas partidas. O Reptiles é um adversário duro, esteve nos playoffs ano passado e também precisa da vitória. É o tipo de pressão que vai para os dois lados”, explicou Thiago Prates, head coach do Flamengo Imperadores.

O sentimento é compartilhado por Duda Duarte, head coach do Botafogo Reptiles: “É uma final pra gente. Todos os jogos daqui pra frente serão cruciais. O jogo do ano passado foi duríssimo e não espero nada diferente para esse jogo. É jogo decisivo e nos preparamos com essa mentalidade. Nós vamos com força total para honrar nossa história”.
Serviço: Flamengo Imperadores x Botafogo Reptiles – BFA
Onde:
Quando:
Ingressos:
COMPARTILHAR
Artigo anteriorInédito “Clássico Lusitano” agita feriadão no Rio
Próximo artigoAgenda FABR – 7 a 9 de Setembro
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here