BFA em números: pontuadores, efetividade, público e muito mais

*Com Maurício da Silva Júnior

2
1307
Arte no Facebook da BFA

Os times que levam mais torcedores aos estádios, quem fez mais pontos, os kickers que tem o pé na forma e o time mais “solidário”. Você saberia dizer quem são os destaques em todas essas listas e curiosidades da Brasil Futebol Americano, a BFA (Campeonato Brasileiro de Futebol Americano)? Então mate a sua curiosidade e compartilhe agora mesmo essa matéria especial!

A BFA em números

Faltando poucas rodadas para terminar a temporada regular na principal competição de futebol americano no país, alguns atletas e equipes começam a se destacar e tudo pode ser observado através das estatísticas apuradas pelo Salão Oval.

Líderes dentro da endzone

Bulls Potiguares atuando na Arena das Dunas. Foto: Allan Lira

O Bulls Potiguares é dono do melhor ataque da BFA, com 267 pontos. A equipe tem os dois jogadores com o maior número de touchdowns na competição: o wide-receiver Igor Roque, que lidera o ranking, seguido pelo running back americano Ray Bradley. Eles são seguidos pelos running backs Eduardo Manhão do Ceará Caçadores e do Brasil Onças, e pelo americano Parris Lee, do Galo F.A.

Ranking dos 10 jogadores com mais touchdowns:

 

Jogador

Equipe Touchdown Conversão

TOTAL

1 Igor Rogue Bulls Potiguares 16 2 100
2 Ray Bradley Bulls Potiguares 13 1 80
3 Eduardo Maranhão Ceará Caçadores 12 1 74
4 Parris Lee Galo Futebol Americano 11 0 66
5 Well Garcia Timbó Rex 6 0 36
6 B2 Tubarões do Cerrado 6 0 36
7 Heron Azevedo João Pessoa Espectros 6 0 36
8 Pedro Brito Recife Mariners 5 0 30
9 Vinícius Seiya Portuguesa FA 5 0 30
10 Gabriel “Cavalo” Ladeira Leões de Judá 4 2 28

 

No país do futebol, os kickers que se destacam

A maior pontuação dos kickers que lideram o ranking são através dos pontos-extras. O número de field goals convertidos ainda é baixo: o renomado Diego Aranha, atleta do João Pessoa Espectros e da Seleção Brasileira, é o maior pontuador entre os “chutadores”.

  Jogador Equipe Field Goal Extra Point TOTAL
1 Diego Aranha João Pessoa Espectros 2 27 33
2 Charslton Charles Galo Futebol Americano 3 15 24
3 Victor Fialho Tubarões do Cerrado 1 19 22
4 Edson da Silva Bulls Potiguares 0 19 19
5 Diego Boddenberg Timbó Rex 1 14 17
6 Rafael Bandeira Recife Mariners 1 13 16
7 Fabrício Santana Santa Maria Soldiers 1 12 15
Renan Buzz Portuguesa FA 2 9 15
9 Marcos Lodi Sorriso Hornets 2 8 14
10 André Silveira Ceará Caçadores 0 13 13

 

Braços e mentes precisas

Omar Kharroub comanda o ataque do Bulls Potiguares Foto: Tony Fagundes

Os times do Nordeste gostam mesmo de liderar rankings: no quesito passes para touchdown, os quarterbacks do Bulls Potiguares, Omar Kharroub, e do João Pessoa Espectros, Rodrigo Dantas, estão disparados na liderança. Vale lembrar que as duas equipes tem os dois melhores ataques da BFA.

  Jogador Equipe Touchdowns
1 Omar Kharroub Bulls Potiguares 23
2 Rodrigo Dantas João Pessoa Espectros 18
3 Lucas Tojal Tubarões do Cerrado 10
Catullo Goés Portuguesa FA 10
5 Ryan Deal Ceará Caçadores 9
6 Jake Schimenz Recife Mariners 8
Ramon “Mamão” Martire Botafogo Reptiles 8
Douglas Rodrigues Santa Maria Soldiers 8
Elijah Freeman Cavalaria 2 de Julho 8
Drew Banks Coritiba Crocodiles 8

 

Destaques individuais das equipes

Se por um lado temos um ranking de jogadores com mais touchdowns no campeonato, por outro temos os atletas que se destacam dentro de suas equipes – eles são responsáveis pela maior parte da pontuação de seus times.

Este é o caso de Geovane Sales, do Brasília Templários, que marcou seis pontos na competição. Mas como a equipe brasiliense anotou somente nove pontos no total, ele lidera o ranking dos “fominhas”.

Os grandes destaques neste quesito são o quarterback Henrique Mazzola, do São José Istepôs, com 47% dos pontos marcados do time catarinense, e o running back do Caçadores, Eduardo Maranhão, com 46%.

Vale mencionar que Maranhão conseguiu se destacar em um ataque poderoso que já marcou 161 pontos, outro playmaker que aparece bem em sua equipe é  Igor Roque que marcou 37% dos 267 pontos totais.

  Jogador Equipe PTS TOTAIS PTS TIME %
1 Geovane Sales Brasília Templários 6 9 67%
2 Henrique Mazzola São José Istepôs 24 51 47%
3 Eduardo Maranhão Ceará Caçadores 74 161 46%
4 Felipe Henrique “Finex” São Paulo Storm 18 42 43%
5 Parris Lee Galo Futebol Americano 66 162 41%
6 Igor Rogue Bulls Potiguares 100 267 37%
  Pokemón América Locomotiva 14 38 37%
  Gabriel “Cavalo” Ladeira Leões de Judá 28 76 37%
9 Martin McCoy Tropa Campina 12 33 36%
10 Paulo Frazão Brasília Templários 3 9 33%
Tomás Gonçalves Flamengo Imperadores 18 54 33%

 

A participação total dos Quarterbacks

Henrique Mazzolla, em ação pelo Istepôs, contra o Breakers Foto: Cristiano Prim

Não dava para ter um ranking de destaques individuais sem analisar separadamente os quarterbacks. E foi isso o que fizemos.

Henrique Mazzola novamente aparece em primeiro, com 82% de participação nos pontos do São José Istepôs, somados as corridas e passes para touchdown. 

  Jogador Equipe PTS CORRIDOS PTS LANÇADOS PTS TOTAIS PTS TIME % TOTAL
1 Henrique Mazzola São José Istepôs 24 18 42 51 82%
2 Igor Rivelles Corinthians Steamrollers 8 18 26 35 74%
3 Catullo Goés Portuguesa FA 6 60 66 95 69%
4 Geovane Sales Brasília Templários 6 0 6 9 67%
Daniel Gazelle Vasco da Gama Patriotas 6 30 36 54 67%
6 Edson Albuquerque Campo Grande Predadores 12 24 36 62 58%
Elijah Freeman Cavalaria 2 de Julho 14 48 62 107 58%
8 Gabriel Pinheiro “Mariota” Natal Scorpions 12 18 30 53 57%
9 Omar Kharroub Bulls Potiguares 4 138 142 267 53%
10 Lucas Vinícius UFERSA Petroleiros 6 12 18 35 51%

 

Tem pra todo mundo

Foto: © Anderson Silva

Nos rankings anteriores vimos que Henrique Mazzola participa de quase todos os pontos do Istepôs. Nesta lista, destacamos o contrário: os times que mais tiveram atletas diferentes pontuando no campeonato – e a liderança isolada pertence João Pessoa Espectros.

  Time Qtde
1 João Pessoa Espectros 19
2 Tubarões do Cerrado 16
3 Sorriso Hornets 14
4 Ceará Caçadores 12
Recife Mariners 12
6 Timbó Rex 11
Galo Futebol Americano 11
Tritões FA 11
9 Bulls Potiguares 10
10 Santa Maria Soldiers 9

 

Maiores Públicos

Bulls e Scorpions fazem clássico potiguar na Arena das Dunas em Natal. Foto: Tony Fagundes

Os times do Nordeste sempre fazem um ótimo trabalho em relação a presença de torcedores nos estádios e este ano não está sendo diferente. Apenas dois jogos tiveram um público com mais de mil pessoas e os dois foram da Conferência Nordeste. O maior público da BFA por enquanto foi o do clássico na rodada de abertura entre os times da capital do Rio Grande do Norte, Bulls Potiguares e Natal Scorpions. Em segundo vem a partida em Fortaleza entre Ceará Caçadores em João Pessoa Espectros que fizeram a reedição da final da conferência do ano passado.

Por outro lado, na cidade mais populosa do Brasil que tinha todo o potencial para atrair os maiores públicos, os times ainda não conseguem atrair os fãs para os estádios, por enquanto somente o jogo entre Portuguesa e Storm, que fizeram uma ação combinada chamada de LusaStorm Day, conseguiu levar mais de 500 pessoas.

Na conferência Centro-Oeste o Sorriso Hornets têm o terceiro e quarto maior registro de torcedores e esperam bater o recorde quando jogarem contra o Tubarões do Cerrado em casa na última rodada da fase regular.

Outra equipe que merece destaque é o UFERSA Petroleiros que teve boa presença da torcida nas três partidas que mandou em Mossoró.

Mandante Visitante Público
1 Bulls Potiguares Natal Scorpions 2000
2 Ceará Caçadores João Pessoa Espectros 1080
3 Sorriso Hornets Brasília Templários 800
4 Sorriso Hornets Campo Grande Predadores 750
5 Portuguesa FA São Paulo Storm 700
6 Santa Maria Soldiers Timbó Rex 600
7 Leões de Judá Brasília Templários 500
  América Locomotiva Botafogo Reptiles 500
  UFERSA Petroleiros Ceará Caçadores 500
  Cuiabá Arsenal Sorriso Hornets 500
  UFERSA Petroleiros Natal Scorpions 500
  Tropa Campina João Pessoa Espectros 500
  Leões de Judá Tubarões do Cerrado 500
  UFERSA Petroleiros João Pessoa Espectros 500

*Somente os públicos registrados nas súmulas oficiais foram contabilizados. Os públicos registrados nas súmulas são estimados. Das 61 partidas 14 não tiveram a informação sobre presença dos torcedores.

No final da temporada regular, traremos novamente os números e curiosidades sobre a BFA. Por enquanto, saiba mais sobre a BFA em nossa página especial.

Com Maurício da Silva Júnior

2 COMENTÁRIOS

  1. O Quarteback do Brasília Templários é o Paulo Justen (9). O Geovane Sales é Wide Receiver (18). Na matéria aparece em “a participação total dos quartebacks” como o Geovane sendo o QB e não o Justen que seria o certo. O Geovane deveria ser destacado como WR.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here