Cavalaria e Mariners se enfrentam em jogo imprevisível

0
215
O Cavalaria 2 de Julho espera um destino diferente da última visita feita pelo Mariners a Salvador Foto: Diego Santos Pereira Netto

O Cavalaria 2 de Julho foi a grande surpresa da Conferência Nordeste no ano passado. O time conseguiu ficar com a quarta vaga dos playoffs da Conferência após uma seqüência de três vitórias seguidas, caindo no mata-mata para o supercampeão João Pessoa Espectros.

A derrota que levou o time a reagir em 2017 foi justamente em casa para o Recife Mariners. Os 34 a 00 para os pernambucanos funcionaram como um despertador para o Cavalaria, que achou seu jogo, fez campanha inédita e em 2018 venceu o Torneio Velho Chico.

“É muito dificil prever o primeiro jogo, mesmo com o histórico de derrota contra o Mariners. A estreia é em casa e ganhar em nossos domínios para estar novamente nos playoffs é uma obrigação. Temos dois confrontos contra eles esse ano, o que os torna nossos principais rivais dentro da competição. Esse é o tipo de jogo que ninguém pode perder”, explica, animado, o head coach dos baianos, Armando Chaves.

Treinando desde janeiro

Se o Cavalaria está em alta desde o último encontro, o Mariners perdeu jogadores para o rival Espectros (Lucas Adolfo,Túlio Albuquerque, Julio Acioly e Emerson Siqueira), Carrancas (Raynner Araújo) e Washburn University (Guilherme Santana).

Para apostar na base e estabelecer uma cultura de jogo na equipe, o Mariners está treinando desde janeiro, como deixou claro em entrevista ao Salão Oval o head coach Lucas David.

Quarterbacks americanos esperam

As duas equipes têm quarterbacks americanos à espera de fatores burocráticos para estrear. Elijah Freeman, que já teve passagens pelo Paraná HP, só estará disponível na segunda rodada para os baianos, contra o Scorpions em Natal. Jake Schimenz, que eletrizou a SPFL pelo Limeira Tomahawk, também não estará disponível na ofensiva do Mariners.

Serviço: Cavalaria 2 de julho x Recife Mariners

Quando: hoje, 21 de julho, às 17h

Onde: Salvador Arena Club

COMPARTILHAR
Artigo anteriorGuia da BFA 2018 – Conferência Centro-Oeste
Próximo artigoRex retoma caminhada pela hegemonia contra o Juventude
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here