T-Rex manda forte recado em estreia contra o Paraná HP

0
102
HP e Rex se enfrentaram em Timbó em 2017. Foto: Geraldo Takanage/Overtime do FA

Uma das partidas mais esperadas da primeira fase da BFA reservava o encontro do tricampeão catarinense contra o bicampeão paranaense e prometia muito equilíbrio técnico entre fortes equipes. Mas a credencial de atual bicampeão nacional falou muito mais forte para o T-Rex, que impôs um forte ritmo no início do jogo e não deu chances para o Paraná HP no triunfo em Timbó (SC) por 34 a 07. O placar e a forma como foram obtidos sinalizam que o bicampeão, mesmo com muitas peças novas em seu roster, vem para defender sua hegemonia nacional.

O jogo

Logo na primeira campanha, o T-Rex abriu o marcador com um lindo passe do quarterback Bassani para o wide-receiver Drew Hill, com extra-point convertido por Diego Boddenberg. Em sua primeira posse de bola, o quarterback paranaense Matheus Rosa sofreu um sack e fumble provocado pelo linha Andrey Pereira, com a bola recuperado por seu colega de ofício, Caião Pereira. Mais um drive, já na redzone, mais um touchdown para o T-Rex, com corrida do running back Carlos Black (mas desta vez, com xp desperdiçado por Boddenberg, 13 a 00).

O Paraná HP só conseguiu aparecer no segundo quarto, mas de forma inconstante (e já com o americano Elijah Freeman no comando do ataque). Tanto que sua campanha foi interceptada por Drew Hill (dobrando na defesa de SS) e convertida em 20 a 00 pelo americano (completada por Boddenberg). O ritmo do time catarinense não diminuiu antes do intervalo, com o Black correndo mais uma vez até a endzone para ampliar para 27 a 00 (Boddenberg acertou mais uma).

No segundo tempo, um retorno fantástico de Jefferson “Bauer” do Paraná HP parecia dar esperança para o time visitante. Mas na redzone, Freeman foi interceptado já no primeiro lançamento. Na sequência, a defesa do HP parou o ataque do Rex, mas um erro no retorno de punt deixou o time da casa já no campo de ataque. O terceiro quarto ainda viu o touchdown do running back Nazgul, ampliando para 34 a 00.

No último quarto, já com o time mesclado, o T-Rex deu espaço para o Paraná HP tirar o zero do placar com

Pontuadores

TD:

Rex: Carlos Black (2), Drew Hill (2) e Nazgul – Bassani (1 passe)

Xp: Diego Boddenberg (3/4)

Paraná HP: Bauer, passe de Elijah Freeman

Xp: Lucas Copi (1/1)

Confira a transmissão exclusiva do Salão Oval, na íntegra

T-Rex e Paraná HP – ao vivo e exclusivo

Rex x HPUm dos jogos mais esperados da fase regular chega para você na parceria do Salão Oval, BT Produções e T-Rex. Compartilhe este vídeo e divulgue o FABR pelo mundo.

Nai-post ni Salão Oval noong Linggo, Hulyo 23, 2017

O que vem por aí

O T-Rex recebe o Juventude (que já tem duas derrotas em dois jogos) no dia 05 de agosto, enquanto o Paraná HP recebe em casa, no dia 20, o forte Santa Maria Soldiers (que venceu suas duas primeiras).

Confira tudo sobre a Conferência Sul da BFA clicando aqui.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorPatriotas, Caçadores e Soldiers continuam invictos na BFA
Próximo artigoFantasmas vencem a Cavalaria baiana e seguem invictos
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here