Em partida noturna, Rednecks e Predadores abrem Conferência Centro-Oeste

0
102
Partida válida pela Superliga 2016. Campo Grande Predadores 06 x 32 Goiânia Rednecks | Créditos: André Photografia

A partida de estreia da Conferência Centro-Oeste acontecerá nesse sábado (15), com o duelo entre Goiânia Rednecks e Campo Grande Predadores. Os mandantes do confronto esperam reprisar o que aconteceu na última vez que os times entraram em campo, pela primeira rodada da Superliga do ano passado, quando o Rednecks viajou até Campo Grande para vencer o Predadores por 32 a 06.

Depois de uma temporada interessante no ano passado, o Predadores mostrou que quer permanecer entre os melhores times do FABR e a partida deste sábado é o primeiro passo para a equipe fazer história dentro da Conferência Centro-Oeste e tentar buscar sua primeira classificação para os playoffs da elite do futebol americano.

Com o novo formato de competição e o Predadores disputando somente quatro partidas na temporada regular, o time sabe da importância de cada resultado positivo, ainda mais em um jogo fora de casa.

“O campeonato está com um formato novo, acho que ainda não temos a fórmula ideal, mas ainda estamos aprendendo. O futebol americano ainda é novo e acredito que vamos levar mais alguns anos para ter um campeonato ideal para todos”, comentou Pedro Rodrigues, head coach do Campo Grande Predadores.

Partida válida pela Superliga 2016. Campo Grande Predadores 06 x 32 Goiânia Rednecks | Créditos: André Photografia

Por parte do Goiânia Rednecks, a comissão técnica sabe que para chegar aos playoffs é preciso vencer suas duas partidas dentro de casa e forçar jogos difíceis fora de Goiás. Conseguir envolver os jogadores na primeira partida do campeonato e estrear com vitória pode ser decisivo para o Rednecks, que viajará nas duas próximas rodadas para confrontos fora de casa, contra Tubarões do Cerrado e Sinop Coyotes.

“A estreia é muito boa. Ano passado jogamos contra o Predadores fora de casa, lá em Campo Grande. Eu acho que quando você consegue jogar em casa é melhor porque estamos perto de nossa torcida e não temos o desgaste da viagem. O jogo de estreia ser dentro de casa é ótimo por conta de todo o envolvimento que conseguimos gerar junto à equipe”, afirmou Igor Furtado, head coach do Goiânia Rednecks, que não contará com o americano Danny Farley, que acabou recebendo uma proposta irrecusável da Finlândia (Porvoon Butchers).

Para o time de Campo Grande, a viagem será um ponto complicado, já que são 12 horas no trajeto. Com este jogo e o duelo contra o Cuiabá Arsenal fora de casa, Pedro Rodrigues sabe que a vantagem no confronto desse final de semana estará do lado do time mandante.

Partida válida pela Superliga 2016. Campo Grande Predadores 06 x 32 Goiânia Rednecks | Créditos: André Photografia

“Nossas duas viagens são pesadas esse ano: Goiânia e Cuiabá. Isso é um fator que não podemos controlar. Sempre tentamos amenizar o melhor possível, mas sempre é uma vantagem para o time mandante”, afirmou Rodrigues.

Se o Predadores terá a viagem como um fator contrário, para Igor Furtado o grande problema desta partida é a falta de material atual do Predadores, fazendo da equipe de Campo Grande uma incógnita para essa partida.

“Realmente acho que a Conferência Centro-Oeste está bem equilibrada. Na primeira partida jogamos com o Campo Grande, que é uma incógnita por não termos muito material para analisar, dificultando para saber exatamente o nível do adversário que vamos enfrentar. Os demais adversários são muito fortes, então acho que tudo isso deixa a Conferência muito equilibrada, mas acreditamos que é possível bater as equipes e sermos campeões da conferência”, resumiu Furtado.

Serviço

Duelo: Goiânia Rednecks x Campo Grande Predadores
Data: 15 de julho, a partir das 18h
Onde: Clube Sesi Antônio Ferreira Pacheco – Goiânia/GO
Quanto: Inteira R$ 20 | Meia entrada: R$ 10 (mediante 1kg de alimento não perecível ou carteirinha de estudante)

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here