Álvaro brilha e Sada Cruzeiro conquista Copa Minas

0
1742
Álvaro Fadini, QB do Sada Cruzeiro, foi o grande destaque da final. Foto: Chiarini Jr

O time que fez história ao conseguir o maior número de reforços de peso para o seu roster não decepcionou na final da Copa Minas e levantou sua primeira taça como Sada Cruzeiro: 57 x 00 contra o Imperadores em partida disputada no SESI Venda Nova, em Belo Horizonte.

Equipe do Sada Cruzeiro entra em campo para a final no Sesi Venda Nova
Foto: Chiarini Jr.

O jogo

Na primeira campanha, a defesa do Imperadores impediu o complexo playbook de ataque do Cruzeiro. Para compensar não ter avançado como QB, Álvaro Fadini, como punter, colocou a bola na jarda 1. Em posição favorável, a defesa do Cruzeiro capitalizou já no primeiro down do Imperadores. Marcos Túlio, o Tuleba, recuperou o fumble dentro da endzone e marcou o primeiro TD do jogo para o Sada Cruzeiro.

Logo no início do segundo quarto, finalmente algum dos ataques conseguiu se sobressair sobre as defesas: em um rápido passe de Álvaro, Médici partiu para o Touchdown. No entanto, a arbitragem assinalou que o wide receiver ao receber a bola ajoelhou. Se não deu no ataque, o Cruzeiro ampliou em outro FG, de 40j, desta vez com Charslton. Na sequência, o Cruzeiro recuperou rapidamente a bola e, relembrando a final da Liga Nacional do ano passado, o Quarterback Álvaro correu mais de 20 jardas para ampliar: 20 a 00 para o Cruzeiro. No melhor avanço do Imperadores até então, o Quarterback Menezes garantiu um first down que tirou o time de Juiz de Fora do sufoco. Mas quem realmente é efetivo nesta jogada é Álvaro Fadini, que fez mais um: 27 a 00. E antes do fim da primeira parte, o QB brilhou mais uma vez em um passe de 52 jardas para o wide receiver Vitor Hugo “Mega” – 34 a 00, com produção de 100% nos xps para Charslton.

 

O quarterback Álvaro Fadini marcou dois touchdowns correndo.
Foto: Chiarini Jr.

No terceiro quarto, o Imperadores chegou ao ataque graças a uma recuperação após punt. No entanto, mais uma vez, a defesa diz Cruzeiro mostrou sua grande eficiência, recolocando Álvaro e o ataque do Cruzeiro novamente em campo. Após correr e conquistar mais um first down, Álvaro foi substituído pelo jovem e promissor quarterback Maycon Dacaza, de 19 anos. O ataque terminou em uma tentativa de FG, infrutífera por um bad snap. Logo a bola voltaria para o Cruzeiro, em intercepção de Rodolpho Santos. Álvaro voltou e o running back Moreno, que teve boa atuação no jogo, fez o seu: 41 a 00 (xp good de Charslton). O terceiro quarto ainda viu Álvaro escapar de dois tackles praticamente inevitáveis para mais um lindo touchdown com Vitor Hugo Mega: 48 a 00. O último quarto começou com safety para o time celeste, com a baixa concentração do Imperadores para executar as jogadas. O Cruzeiro voltou ao ataque comandado pelo reserva Maycon, que literalmente conduziu o time a mais um touchdown na campanha: 57 a 00.

O atlético wide receiver Vitor Hugo “Mega” recebeu dois passes para touchdown.
Foto: Chiarini Jr.

Pontuadores:

TDs: QB Álvaro (2 correndo, 2 passando para Mega), RB Moreno (1 correndo), WR Vitor Hugo Mega (2), Tuleba (1 recuperando fumble na endzone), QB Maycon (1 correndo)

FG: Protasio (1/1) e Charslton (1/2)

Xps: Charslton (7/7)

MVP: Álvaro Fadini

BFA: o grande favorito?

Com reforços nunca antes reunidos em um só time no Brasil, o Sada Cruzeiro começará o Campeonato Brasileiro como favorito da Conferência Sudeste e um dos postulantes ao título: os americanos Charles McCrea (RB) e Clinton Greenaway (WR) e os brasileiros de nível de Seleção Brasileira, como os presentes no Mundial de Ohio Rodolfo Santos (DB), Igor Mota (LB), Rapha Cruz (CB), Dhiego Taylor (OL), Kawan Pivatto (DL/LB), além de Álvaro Fadini (QB), Vitor Mega (WR) e o MVP do último Brasil Bowl, Well Garcia (RB). A estreia do Sada Cruzeiro na BFA será no dia 15/07, contra o rival Minas Locomotiva, em Belo Horizonte.

> Confira todos os jogos e agenda do Sada Cruzeiro em 2017

Fotos: Chiarini Junior

COMPARTILHAR
Artigo anteriorDefensive End troca o Chacais pelo Soldiers para jogar a BFA
Próximo artigoParaná HP bate Brown Spiders e é bicampeão paranaense
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here