HP defende título contra Croco reforçado e BS embalado na Elite

Com Maurício da Silva Jr.

4
203
Brown Spiders e HP se enfrentaram no último Paraná Bowl. | Créditos: Thaís Marques

Um dos campeonatos estaduais mais antigos do País chega a sua 12ª segunda edição. Foi no Paraná que o primeiro jogo disputado com equipamentos oficiais no Brasil aconteceu – no dia 25 de outubro de 2008, entre as equipes do Barigui Crocodiles (hoje Coritiba) e o Brown Spiders – o vencedor da partida, por 33 a 10. A data foi escolhida pelo Salão Oval para ser o FABR Day, comemorada pela comunidade do futebol americano como o seu dia nacional.

Como será o torneio em 2020

O torneio em 2020 contará com 15 equipes divididas em quatro grupos –  a sua maior edição até então. As três equipes que participam da BFA Elite estarão no “Grupo Elite”, e as outras 12 distribuídas geograficamente entre Norte, Oeste e Leste.

Os critérios para classificação aos playoffs são os mesmos de 2019, com os três times da “Elite” automaticamente classificados e outras seis vagas aos primeiros e segundos colocados dos outros grupos, com os dois piores segundos disputando um wild card. As oito equipes restantes passam às quartas-de-final.

> Saiba mais sobre o panorama geral da competição

Elite

O Grupo Elite conta com as três equipes que estão na primeira divisão da BFA: Paraná HP, Coritiba Crocodiles e Brown Spiders. O Crocodiles vem reforçado de um quarterback americano e a volta de um grande wide-receiver; o campeão Paraná HP quer manter a hegemonia no estado com muito entrosamento; e o Brown Spiders vem embalado de um título nacional da divisão de acesso, tentando o seu primeiro título estadual.

Conheça melhor as equipes mais tradicionais do Paraná e como elas estão vindo para o Campeonato Paranaense 2020.

> Confira a tabela do Campeonato Paranaense 2020

Paraná HP

O Paraná HP conquistou três títulos nos últimos quatro anos e acabou com a “hegemonia” do Crocodiles nos estaduais. Além disto, em 2019 a equipe se classificou aos playoffs do nacional nos critérios de desempate tirando exatamente o grande rival.

Questionado sobre a preparação para o torneio, Rodrigo “Max” Zandoná, presidente, comenta que a equipe ainda não está pensando muito em seus adversários, pois as recentes trocas na diretoria e na comissão técnica estão acarretando em grandes mudanças de conceitos, cultura, treinos e esquemas táticos. “Nesta altura da preparação, temos muitas coisas para corrigir internamente e para isso toda nossa energia é focada nestas questões”, completa.

Max também enfatiza o fortalecimento da equipe com a chegada de vários jogadores vindos de outras equipes, que, na sua visão, somarão muito dentro e fora do campo. “Teremos um time diferente em campo do que foi em 2019”, completa.

Coritiba Crocodiles

O Coritiba Crocodiles foi hepta campeonato entre 2009 e 2016, mas conquistou apenas um título nos últimos quatro anos e nos últimos três anos não chegaram à final em duas oportunidades. No início do ano observamos a chegada dos estrangeiros Gabriel Cunningham e Jr. Leach, e o retorno de Athos Daniel.

Questionado se a equipe busca retomar o “domínio” estadual após três títulos do HP nos últimos quatro anos, Adan Rodriguez, presidente da equipe, cita que “todo início de temporada buscamos estar no domínio dos campeonatos que participamos e não será diferente em 2020, muitos atletas saem e outros chegam, temos que nos recriar todo ano em busca de um objetivo que comum que se tornar campeão.

Com relação à mudança no comando de ataque com a chegada de Gabriel Cunningham após a saída de Ramon Martire e Elijah Freeman, Adan diz que a equipe já possui o playbook de 2020 iniciado, e aguarda a chegada do Cunningham neste final de mês para adaptar e “explorar o que ele tem de melhor no seu estilo e combinar com o nosso ataque.”

Brown Spiders

A terceira equipe que fecha o grupo Elite, é o Brown Spiders, que recém voltou à primeira divisão do campeonato nacional. O vice-presidente Jackson Menezes cita que a equipe vem motivada após a conquista da BFA Acesso e que, após o vice campeonato paranaense em 2019, as expectativas da equipe para 2020 incluem buscar o inédito título estadual.

Acrescentou que “desde o rebaixamento nosso time foca na preparação, e desde então estamos com o saldo positivo, o que nos permitiu ter um ótimo entrosamento e ótima integração entre os times de ataque, ST e defesa.

Retrospecto dos participantes

> Conheça o Grupo Norte do Campeonato Paranaense 2020

> Saiba tudo sobre o Grupo Oeste do Campeonato Paranaense 2020

> Confira os detalhes do Grupo Leste do Campeonato Paranaense 2020

COMPARTILHAR
Artigo anteriorTimes de Curitiba encaram estreante no Grupo Leste
Próximo artigoCampeonato Paranaense chega à 12ª edição maior do que nunca
Avatar
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here