Scorpions e Tropa jogam pela permanência na BFA

1
133
O Natal Scorpions subiu da Liga Nordeste no ano passado e corre o perigo de retornar em 2019. Foto: Zuyra Miranda

Sim, matematicamente ainda pode haver outras saídas, mas na prática, por seus desempenhos até aqui, Natal Scorpions e Tropa Campina jogam neste sábado pela permanência na BFA.

As duas equipes ainda não venceram na competição após quatro jogos e a vitória neste sábado, em Natal, pode garantir que um fique na elite do esporte nacional e o outro retorne para a Liga Nordeste. Coincidentemente (ou não), a partida une os dois últimos vencedores da Liga Nordeste (Scorpions no ano passado e Tropa em 2016).

Pela salvação

Potiguares e paraibanos têm plena consciência do que está em jogo pela partida, como demonstra a declaração de ambos os técnicos. “O confronto direto tem um peso enorme. Então precisamos buscar o resultado, estamos trabalhando forte pra isso e faremos o máximo. Entretanto, o Tropa também sabe disso e também está se preparando. Será um jogo cheio de raça e coração. Vamos ver como será! A expectativa sempre é a melhor possível”, explicou Eliezer Pires, do Natal Scorpions.

“Esse jogo é “vida ou morte” para ambas equipes já que a próxima rodada são jogos difíceis para os dois times (Caçadores para o Scorpions, Mariners para o Tropa). Esperamos um jogo difícil contra o Scorpions e queremos ganhar pela permanência na BFA”, resumiu Alfredo Gracio, do Tropa Campina.

> Confira agenda, resultados e classificação da Conferência Nordeste da BFA

Serviço: Natal Scorpions x Tropa Campina – BFA

Quando: Domingo, 16 de setembro, às 15h

Onde: Campo do SAMU – Natal

Ingressos: no local

COMPARTILHAR
Artigo anteriorPara manter chances, Storm desafia o favorito Galo em BH
Próximo artigoAgenda FABR – 15 e 16 de Setembro
Avatar
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here