Arsenal derrota Templários e está classificado

1
38
Igor Mota marcou um touchdown na vitória do Arsenal contra o Templários Foto: Leo Tiarayu

Após começar na BFA com duas derrotas contundentes, o tradicional Cuiabá Arsenal vai engrenando na competição. Com a vitória em Brasília contra o caçula Templários por 49 a 0, o time fechou o grupo de classificados da Conferência Centro-Oeste.

Além dos cuiabanos, o Tubarões do Cerrado, Sorriso Hornets e Leões de Judá estão na próxima fase. Resta saber, com a conclusão da fase regular, qual será a ordem dos enfrentamentos.

Já o Brasília Templários não corre perigo de rebaixamento, já que o Goiânia Rednecks desistiu da competição e será quem vai ceder vaga ao campeão da Conferência Centro-Oeste da Liga Nacional em 2019.

Pontuadores da partida

Os pontos cuiabanos foram feitos pelos running backs Daniel Callejas (um touchdown) e Tiagão (dois touchdowns). O Arsenal também pontuou passando, com o veterano quarterback Dandan conectando duas vezes com Bruno Loeschke, por duas vezes (em passes de 20 e 40 jardas).

A defesa também não ficou de fora, com o capitão e linebacker Igor Mota e o cornerback Paulo fazendo uma pick-six cada um.

> Confira classificação, agenda e resultados da Conferência Centro-Oeste

COMPARTILHAR
Artigo anteriorFlamengo derrota Corinthians em partida que cumpre tabela
Próximo artigoCom defesa dominante, Mariners vence e rebaixa Tropa Campina
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here