Espectros faz folia dos touchdowns em Campina Grande

2
310
O quarterback Rodrigo Dantas comandou mais uma vitória do invicto Espectros na BFA 2018 Foto: Anderson Silva

Sem grandes novidades, o João Pessoa Espectros visitou o Tropa em Campina Grande e aplicou novo placar elástico contra os conterrâneos paraibanos, famosos por sua festa de São João: 63 a 00 (a primeira partida em João Pessoa terminou em 72 a 5). O destaque foi para a defesa do Espectros, que fez quatro touchdowns na partida, seja em interceptações ou fumbles recuperados para serem levados até a endzone do time da casa.

O jogo

Lesionado, o craque Carlos Cox não atuou contra o Tropa Campina. Assim, Oshay Dunmore era o único americano do lado vencedor da partida. Na primeira campanha do Tropa, um punt mal executado já deixou o Espectros na linha de 30 jardas. Após passe do quarterback Rodrigo Dantas para o wide-receiver Heron Azevedo (dupla da Seleção), os visitantes já estavam na redzone. Após corrida de Dantas, Lucas Adolfo completou a campanha na linha de uma jarda. Diego Aranha foi certeiro no extra-point e colocou 7 a 0 no placar para o time da capital paraibana.

A defesa do Espectros não quis ficar para trás e também marcou: Caio Sherman forçou fumble, recuperado por Jefferson Barbosa, que levou para a endzone. Mais um ponto para Aranha e 14 a 00 no placar.

O americano Oshay Dunmore cobriu a ausência de Carlos Cox à altura, retornando 65 jardas após um punt, deixando os visitantes na linha de 8 jardas do ataque. Jonatha Carvalho completou a campanha, com mais um ponto de Aranha – 21 a 0 em Campina Grande.

Novamente, a defesa da capital da Paraíba não ficou para trás e marcou novamente, agora na pick six de Edgleison, com novo acerto de Aranha: 28 a 0 Espectros, ao final do primeiro quarto.

Começo do segundo quarto, mais uma campanha ofensiva certeira do Espectros, com o passe de Dantas para o wide-receiver Denner Lucena. Campanha de ataque do Tropa Campina, nova pick six, agora com Rafael Lins. Aranha acerta tudo e o placar vai a 42 a 00.

No meio do segundo quarto, uma marca importante: o americano Roland Green conseguiu conquistar uma primeira descida para o Tropa, dando algum respiro para o time da casa. Duas faltas seguidas, no entanto, fizeram a equipe recuar muito mais do que o avanço conseguido.

Com o Tropa perto da própria endzone, novo fumble recuperado para touchdown, agora com Túlio Albuquerque (ex-Mariners). Depois de mais um ponto-extra (49 a 00), Diego Aranha ainda foi de onside kick, recuperado por Eliel Júnior, do Espectros. Em seguida, mais um touchdown de ataque, com Dantas passando para Bruno Lucena e novo acerto de Aranha: fim de segundo quarto, 56 a 00.

No chute de retorno do terceiro quarto, Heron levou a bola por mais de 80 jardas e já deixou o Espectros próximo de mais um touchdown. Passando, Dantas encontrou Bruno Lucena novamente e 63 a 00 com Aranha.

Em seguida, o Tropa conquistou nova primeira descida na partida e conseguiu não levar mais pontos por turnovers. Além disso, a defesa da casa reagiu e também impediu pontuações da ofensiva de João Pessoa, forçando inclusive um punt.

Já dentro dos dois minutos, Bruno Sherman conseguiu forçar um fumble, colocando o Espectros na jarda 15 de ataque. Com seu terceiro quarterback em campo, Calebe Reis, os visitantes não conseguiram mais pontuar, pois contra o relógio, nenhum ataque avança.

Próximos jogos

Com quatro vitórias em quatro jogos, o Espectros segue firme em sua campanha natural pelo primeiro lugar da fase regular. O próximo desafio será contra o Petroleiros em Mossoró.

Já o Tropa Campina busca sua primeira vitória em 2018, que pode vir na próxima rodada, contra o Scorpions, em Natal. A partida pode ser decisiva para saber quem será rebaixado para a Liga Nordeste em 2019.

> Confira agenda, resultados e classificação da Conferência Nordeste da BFA

COMPARTILHAR
Artigo anteriorContra chuva e Breakers, Soldiers vence em casa
Próximo artigoParaná HP supera o mal tempo e a longa viagem para vencer o Juventude
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

2 COMENTÁRIOS

  1. CORREÇÃO:
    A defesa do Espectros não quis ficar para trás e também marcou: CAIO Sherman forçou fumble, recuperado por Jefferson Barbosa, que levou para a endzone. Mais um ponto para Aranha e 14 a 00 no placar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here