Em partida espetacular, Espectros vira no final em Fortaleza

3
677
Um grande espetáculo em Fortaleza entre duas grandes forças do futebol americano nordestino Foto: Anderson Silva
Sport America

Em uma partida digna das expectativas e em um palco mais do que apropriado no lindo Estádio Presidente Vargas, Ceará Caçadores e João Pessoa Espectros mostraram toda a técnica do que há de melhor no futebol americano da Conferência Nordeste. Depois de um primeiro tempo amarrado e zerado no placar, os times mostraram suas armas e quem acabou com a vitória foi o João Pessoa Espectros – 17 a 14.

O jogo

Depois de um primeiro quarto bastante equilibrado e com a defesas em destaque, o segundo quarto colocou o Espectros em boa posição para um field goal de Diego Aranha, kicker titular da Seleção Brasileira. No entanto, o chute do paraibano foi frustrado em excelente bloqueio da equipe de especialistas da casa.

A má sorte continuou para o kicker, que teve nova oportunidade e a bola bateu no goal post e não entrou. A resposta do Ceará Caçadores veio com o craque Maranhão, que fez três touchdowns para a Seleção Brasileira em dezembro contra a Argentina. Ele deixou o time da casa na linha de 12 jardas.

Ryan Deal, o quarterback americano, passou na endzone para o wide-receiver Lídio, que incrivelmente não conseguiu ficar com a bola. Maranhão deixou o Caçadores na jarda nove, mas já era a terceira descida. O kicker da casa, André Silveira, teve a mesma sorte de Aranha, com o chute bloqueado.

Antes do final do segundo quarto, o Espectros namorou com a redzone, mas foi empurrado para trás. Antes que o relógio zerasse, Aranha tentou um field goal de 52 jardas, sem sucesso.

O terceiro quarto começou com o Espectros lutando no meio do campo. Em uma quarta descida, uma falta garantiu a renovação das chances dos paraibanos. Novos erros cearenses levaram o Espectros para a goal line. O running back Jonatha Carvalho correu cinco jardas para tirar o zero do placar. Aranha confirmou o 7 a 0 no placar.

A resposta do Caçadores veio rápida. Na jarda 30 de ataque, em lindo option de Ryan Deal para Maranhão, o craque do time da casa quebrou o tackle de Cox e levou a bola para a endzone. Com o extra-point confirmado pelo novato kicker André, ficou tudo igual no bonito Estádio Presidente Vargas – 7 a 7.

Após muita luta para conseguir chegar à redzone, o Espectros não arriscou na quarta descida e resolver ir para o field goal. Diego Aranha tirou a zica e conseguiu converter uma pontuação importante para a partida: 10 a 7 para os atuais vice-campeões brasileiros.

O Caçadores voltou ao ataque, mas o embate entre americanos foi vencido por Cox, que impedia que os passes de Ryan Deal chegassem a seus endereços.

No último quarto, Diego Aranha desperdiçou mais uma chance de ampliar em novo field goal. Maranhão, no entanto, continuou sendo o destaque do time da casa. Em nova big play, o running back levou o Caçadores até a jarda 19 de ataque, sendo parado por Cox.

Em nova chance para os Espectros, o defensive back Gilmar Carioca interceptou o lançamento de Rodrigo Dantas, deixando os Caçadores já no campo de ataque. Em rápido passe pelo meio, Ryan Deal achou o wide-receiver Lídio Giordani, que avançou 25 jardas para virar o jogo. André confirmou o ponto-extra – 14 a 10 Caçadores.

Em um jogada ousada, o Caçadores tentou e conseguiu executar com maestria um onside kick, permanecendo no ataque. Sem sucesso, o Caçadores teve que ir para o punt. Tomado por um senso de protagonismo único, o craque americano Carlos Cox retornou a bola até a endzone em impressionante corrida. No entanto, em falta pessoal dada contra o Espectros, o touchdown foi anulado.

Na sequência, Rodrigo Dantas não conseguiu ficar com a bola e o fumble foi recuperado pelo linebacker da casa Kaléo Melo. Em corridas curtas, o Caçadores não conseguiu ficar muito tempo com a bola e tentou até a quarta descida, sem grande avanço.

De volta com a bola, Dantas recolocou o Espectros no campo de ataque após corrida pessoal e bonito passe para o wide-receiver Bruno Lucena. No lance, Everson Lincoln, defensive back do Ceará Caçadores sofreu forte lesão, requerendo cuidados da ambulância.

Rodrigo Dantas conseguiu belos movimentos dentro do pocket e ainda achou o wide-receiver Júlio Acioly, ex-Mariners, em meio a dois marcadores. Diego Aranha confirmou o extra-point, colocando o Espectros na frente faltando um minuto para terminar a partida – 17 a 14.

Saindo da jarda 31 de defesa, Maranhão colocou o Caçadores no campo de ataque em uma corrida. Na jarda 45, o time não avançou mais. A última chance foi como kicker André, que não conseguiu mandar a bola para o seu objetivo. No entanto, um offside deu nova chance para a torcida cearense tentar comemorar após um silêncio sepulcral para ajudar o seu jogador. Na segunda chance, o Espectros bloqueou o chute e conseguiu vencer a partida.

Próximos jogos

O Ceará Caçadores visitará o Bulls Potiguares, enquanto o João Pessoa Espectros terá mais um clássico pela frente ao receber o Recife Mariners.

> Clique e saiba tudo sobre a Conferência Nordeste

Sport America

COMPARTILHAR
Artigo anteriorEm grande estreia de Jake, Mariners vence novamente na BFA
Próximo artigoCom show de americanos, Bulls Potiguares conquista mais uma vitória
Editor-chefe do Salão Oval, maior plataforma de mídias destinada ao FABR, Social Media Journalist da FIVB (Federação Internacional de Vôlei) e Social Media Editor para a Premier League (Campeonato Inglês de Futebol). Realizei coberturas nacionais pelas cinco regiões do Brasil e também nos EUA (Mundial de Ohio) e Perú (1º Torneio Guerrero de Los Andes), sempre acompanhando o futebol americano nacional de perto. Narrador e comentarista para o futebol americano nacional em diversas ocasiões (BandSports, Fox Sports e Globo Esporte.com), fui também jogador da Lusa Lions (flag 2008) e do Corinthians Steamrollers (2009 a 2012).

3 COMENTÁRIOS

  1. Excelente matéria! Não pude ver o jogão que foi mas consegui imagina-lo, agora é bola pra frente erguer a cabeça que a caçada continua! Vai Caçadores!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here