Portuguesa vence ABC Corsários por W.O.

6
220
Portuguesa aproveitou o WO do Corsários e fez um treino aberto no estádio Jayme Cintra, em Jundiaí. Foto: Portuguesa FA

Os WOs não ficam um ano sem comparecer a uma temporada do futebol americano nacional. Em 2018, tivemos o primeiro com o ABC Corsários All Blacks ausente da partida contra a Portuguesa FA, neste sábado, pela SPFL.

O jogo deveria começar às 10h em Jundiaí, no Estádio Jayme Cintra. Em vez de jogar, a atual bicampeã aproveitou o espaço para realizar um treino aberto.

A partida marcaria a 100ª partida do quarterback Catullo Góes pelo lado lusitano: “Me sinto desrespeitado pela liga e pelo adversário. Mas feliz por termos conseguido um dia a mais de treino, que no fim das contas é o mais importante. O número 100 é só uma marca que simboliza todo o esforço compartilhado por nós ao longo do tempo”, resumiu o jogador.

O presidente da Portuguesa, Alan Sá Barbosa, também se pronunciou: “Na terça feira foi informado pelo ABC Corsários que estariam com problemas para conseguir o número mínimo de atletas para o jogo que ocorreria hoje de manhã. Desde o primeiro momento, afirmamos que iríamos jogar mediante as regras que a própria liga, no conjunto de nós representantes, estabeleceu. Com isso também visamos preservar todos os atletas envolvidos.

Após isso, a direção do ABC Corsários informou que iria correr atrás de resolver esse impasse. Mas nos foi informando apenas na madrugada de sexta para sábado que não teria o número mínimo de jogadores. O que acabou sendo até uma surpresa.

A Portuguesa se dirigiu normalmente ao Jayme Cintra, primeiro porquê precisávamos ter o número de atletas assinando a súmula. E também para não perdermos a oportunidade de praticar futebol americano”.

Corsários divulga nota oficial

A equipe ausente foi procurada pelo Salão Oval. A dúvida era se o WO significaria a desistência da competição, o que foi negado pela nota oficial

“Diante da impossibilidade de atingir o mínimo de jogadores necessários para realizar a partida por conta de ausências relacionadas a compromissos já agendados por motivos de trabalho e estudo, o ABC Corsários infelizmente não pode entrar em campo no dia de hoje, 14/04, contra a Portuguesa FA, em Jundiaí.

Diante das circunstâncias, não havia outro caminho a ser seguido senão o W.O., perfeitamente previsto no regulamento da São Paulo Football League 2018.

Em nome de sua diretoria, O ABC Corsários pede desculpas a Portuguesa FA e aos fãs da SPFL pelo acontecimento atípico e garante que estará com o elenco completo na próxima partida”.

O Corsários ainda tem jogos contra Lizards, Ponte Preta e Palmeiras pro Grupo A da SPFL.

SPFL estudará medidas

A SPFL reunirá seus representantes para estudar medidas que serão tomadas contra o ABC Corsários.

“Tudo isso é muito triste, porque disponibilizo meu tempo gratuitamente para ajudar as equipes e tentar organizar um bom Campeonato para torcedores e jogadores. Mas infelizmente esse ainda não é o pensamento e o espírito de algumas equipes. Agora deixo para o corpo gestor da SPFL, em cima do regulamento e Código disciplinar, decidirem as medidas cabíveis”, declarou o Diretor da SPFL, Ricardo Trigo.

> Confira nossa página especial sobre a SPFL

6 COMENTÁRIOS

  1. Isso é ridículo. Deixaram de serem os Blue Birds para passar vergonha ? Deveriam ser expulsos da competição, e só voltarem depois de 2 anos, e mostrando com provas que estão mais estruturados.

  2. Moro no ABC e fico triste em ver essa situação do ABC Corsários mas acredito que após de ter passado pela mudança de nome de Blue Birds para ABC Corsários All Blacks, mais a aquisição de mais de 7 jogadores, mudança que teve na equipe técnica sem contar os Rookies se analisarmos friamente o ABC Corsarios é um time novato.

    Bom esta é a minha opinião. Saliento que não sou jogador do mesmo, sou apenas uma pessoa que gosta do esporte como um todo.

    Acredito que no ano que vem a história será diferente.
    Carlos

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here