Sul-mato-grossenses levam título inédito no Circuito Nacional de Flag

0
63
Campo Grande Predadores conquista título inédito. Foto: Stephanie G. Monteiro

Neste último final de semana, o Clube de Campo do Palmeiras, em São Paulo, recebeu a etapa final da quinta edição do Circuito Nacional Flag Football 5×5.

Chamado de Superfinal, o evento contou com seis equipes masculinas e seis equipes femininas de sete estados diferentes. No final, os sul-mato-grossenses do Campo Grande Predadores e Jacarés do Pantanal se sagraram campeões.

Masculino

Na final masculina, participaram os campeões de 2016, os Carcamanos, que fecharam recentemente parceria com a S.E. Palmeiras; os também paulistanos Spartans Football e Cronos Football, campeão em 2013; e os visitantes Campo Grande Predadores, Brasília Alligators e Palmas Titans. Todos os times já haviam participado da etapa final em alguma temporada.

Na primeira fase, onde todos se enfrentaram entre si, tivemos vários jogos importantes, incluindo a reedição da última final entre Carcamanos e Predadores; a partida deste final de semana foi vencida pelo time de Campo Grande por 41 a 18.

Com quatro vitórias e um empate, o Predadores conseguiu pelo segundo ano a vaga para a final do Circuito. Desta vez, o adversário foi o Spartans, que se classificou para decisão com três vitórias, uma derrota e um empate.

Antes da final, os dois se enfrentaram pela primeira vez na quarta rodada, já no domingo. O resultado foi um empate por 40 a 40, o que prometia um jogo emocionante na decisão.

E não foi diferente. No último jogo, os campo-grandenses abriram apenas uma posse de vantagem sobre os espartanos, mas conseguiram segurar a diferença até o fim, conquistando pela primeira vez o título do circuito.

Jacarés do Pantanal vencem circuito feminino. Foto: Stephanie G. Monteiro

Feminino

Na etapa feminina, participaram as já experientes Campo Grande Cobras, Jacarés do Pantanal, Big Riders e Fluminense Guerreiras, as únicas bicampeãs do Circuito.

Como estreantes, competiram as paulistanas da Animalia e as brasilienses das Selvagens, ambas fundadas no ínicio do ano.

Repetindo o roteiro dos Predadores, o equipe do Jacarés, que até então também eram as atuais vice campeãs nacionais, tiveram o melhor retrospecto da primeira fase, com cinco vitórias em cinco jogos, incluindo uma vitória sobre as atuais campeãs Cobras, por 39 a 12.

Concluindo a campanha, a equipe sul-mato-grossense encarou o Brasília Selvagem na decisão e venceu por 32 a 20, subindo pela primeira vez ao lugar mais alto do pódio.

Com os títulos inéditos de Predadores e Jacarés, apenas a equipe feminina da Fluminense Guerreiras se mantem como as únicas bicampeãs do Circuito.

Decisões no flag

Assim como no Circuito Nacional, o mês de novembro teve decisões por diversas competições de Flag Football pelo País.

Devido aos altos custos para participar da competição nacional, as equipes nordestinas decidiram criar o Campeonato Nordestino de Flag Football, visando o fortalecimento da modalidade na região.

Depois de duas etapas realizadas em Macaíba/RN e São Luiz/MA, a cidade cearense de Sobral recebeu os seis finalistas do Campeonato. Na decisão, os Bulls Potiguares levantaram a troféu, derrotando o Cabugi Goats por 40 a 28.

Em Minas Gerais, quatro equipes disputaram a primeira edição do Campeonato Mineiro 8×8, entre os dias 3 e 5 em Ouro Preto. Na final, o Minas Locomotiva bateu o Carcarás Ouro Preto por 20 a 06, ficando com a taça.

Já em Santa Catarina, foram as mulheres que protagonizaram a competição estadual. Disputado por cinco equipes em três etapas, as “Breakers Ladies” de Jaraguá tiveram o melhor retrospecto, sagrando-se campeãs catarinenses.

Além das finais do Circuito, o estado de São Paulo, grande pólo do Flag Football no país, começou o mês recebendo novamente a já tradicional Liga Universitária de Futebol Americano. A cidade de São Carlos mais uma vez sediou o torneio que tiveram os mandantes dos Bulldogs como bicampeões no masculino e o Unicamp Eucalyptus como vencedores no feminino.

Após vencer a LUFA 2017, Bulldogs se preparam para a decisão do Caipira Bowl. Foto: Divulgação São Carlos Bulldogs

Dezembro

Após um mês cheio de finais, dezembro ainda reserva quatro decisões no Flag Football paulistano.

Pelo Campeonato Feminino, organizado pela APFA, Piracicaba Cane Cutters, São Paulo Storm (atuais campeãs), Palmeiras Locomotives, Underdogs Football disputam o título no dia 03 em Piracicaba.

Já no masculino, também no dia 3, Avaré Scorpions e São Carlos Bulldogs disputam o título do Caipira Bowl, enquanto São Paulo Tigers e Cruzeiro Guardians decidem o Metropolis Bowl. Os dois campeões de conferência se enfrentam pelo Sampa Bowl no dia 10.

Por fim, na competição organizada pela FEFASP, Steamrollers e Lusa Lions repetem a final da SPFL 2017, agora na modalidade flag. Essa será a quarta final seguida disputada pelo Steam, vencendo duas vezes a competição.

> Confira os jogos e resultados do Flag Football pelo país

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here