João Pessoa Espectros vence Ceará Caçadores no PV e é campeão do Nordeste

2
235

Uma partida digna de uma grande final. O clássico nordestino entre Caçadores e Espectros fez valer a expectativa dos mais de 3.100 torcedores que estiveram presentes ao estádio Presidente Vargas neste domingo (13). No final, em um jogo extremamente equilibrado, os campeões brasileiros venceram nos detalhes o time cearense por 27 a 20, e se sagraram campeões da Conferência Nordeste de Futebol Americano.

Agora os Espectros vão até o Rio de Janeiro para enfrentar o Flamengo F.A. que venceu a Conferência Leste ao bater o Vasco da Gama Patriotas por 41 a 3. A partida semifinal nacional ocorre dia 27 de novembro.

“Fizemos uma partida equilibrada. Era um jogo imprevisível. Tivemos uma grande evolução dentro e fora de campo durante este ano, nossos atletas lutaram muito até o fim e fizeram um grande jogo. Foi o jogo mais parelho das quatro conferências”, afirma Bruno Rocha, diretor esportivo do Ceará Caçadores

O jogo

No 1º quarto, o João Pessoa Espectros começou a partida pressionando o time da casa, e logo nos primeiros minutos do jogo, Heron Azevedo fez um touchdown de retorno, abrindo o placar para o time paraibano. Diego Aranha aumentou a vantagem para 7×0 com um ponto extra. O kicker Danilo Arrais, em um belo fieldgoal de 35 jardas, conseguiu diminuir a diferença para 7 a 3, mas Diego Aranha, também em um fieldgoal de 44 jardas, colocou 10 a 3 no placar para os Espectros.

No 2º quarto o time cearense conseguiu mostrar superioridade em todo o tempo. Com um passe preciso de 30 jardas do americano Talon Roggasch para o quarterback Romário Reis, fazendo 10 a 9, a igualdade da partida chegou com Danilo Arrais em um ponto extra e marcando 10 a 10 no PV.

Após o intervalo o time de João Pessoa voltou a ficar à frente. Carlos Cox com um touchdown de retorno e mais um ponto extra de Diego Aranha, os Espectros fazem 17 a 10, mas os paraibanos não tiveram tempo para comemorar. Num grande pick six do americano TBattle e com o segundo ponto de extra de Danilo Arrais, o placar volta ao equilíbrio que permaneceu durante todo o jogo: Caçadores 17 x 17 Espectros.

A igualdade permanece no placar e o equilíbrio em campo. O jogo seguiu truncado até os últimos minutos. Diego Aranha e Danilo Arrais com os pés afiados empataram em 20 a 20 com um fieldgoal para cada. Mas a experiência dos campeões brasileiros pesou no final. Com um bonito passe de Dantas para o americano Carlos Cox, os Espectros fizeram 26 a 20, com Diego Aranha marcando mais um extrapoint e fazendo 27 a 20. Final: João Pessoa Espectros campeão.

Crédito foto: Stephan Eilert

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here